BELLATRA: Prologo

BELLATRA

(Survive Or DIe)

prologo:

Quando será que os guerreiros de Priston irão conquistar a paz plena? Com a
descoberta de novas áreas e chegada de novos inimigos, os heróis do mundo todo se
sentiram mais ameaçados do que nunca. Era praticamente impossível enfrentar uma
ameaça de tais proporções. Era preciso aperfeiçoar, era preciso melhorar, era preciso
vencer. Uma nova era tinha início: a era do combate mortal contra os monstros mais
fortes do continente. Novas técnicas se tornaram necessárias. Um novo nível de
combate se desenvolvia. Assim surgiu o torneio de Bellatra, onde somente os guerreiros
mais poderosos sobrevivem. Aquele que controla o torneio será respeitado e louvado
por todos da região, e a vitória precederá seu combate.
Somente os sobreviventes vencerão.
Navisko é uma cidade amaldiçoada. No passado, os governadores de Pillai e de
Ricarten pretendiam se associar à essa comunidade. Contudo, graças à maldição,
nenhum acordo pôde ser firmado. Agora, a Cidade está abandonada, à mercê dos
monstros. Os únicos visitantes são os guerreiros que para lá viajam com o objetivo
único de participar do torneio de Bellatra. Abandonada, a Cidade implorava por socorro.
Os moradores entraram em pânico. Nenhuma outra civilização poderia ajudá-los.
Navisko fica à muitas milhas de Ricarten e Pillai. A força dos monstros crescia grande
na vila. O desespero dos civis aumentava. Com o tempo, mais e mais pessoas
abandonavam suas casas. Após décadas, a cidade se tornara apenas um ponto turístico
para aventureiros. A última cartada foi dada. Os Anciões do continente encontraram a
solução – canalizar as forças do mal em um único lugar, onde os guerreiros poderiam
combatê-las de igual para igual. Criou-se, assim, o palco de sangue do chamado
“Bellatra”. O Desafio está lançado, guerreiros!
Os sábios se reuniram. A decisão estava tomada. Canalizar o poder inimigo em
um torneio entre guerreiros e monstros era a única solução. Porém, nenhum grupo de
guerreiro seria forte o bastante para travar esta batalha. Todo o continente teria que
colaborar. Aos poucos, heróis de todas as partes começaram a surgir. Ninguém mais
queria ficar de fora. O ciclo de vitórias estava armado. De repente, não mais se tratava
de uma batalha entre monstros e guerreiros, se tratava de uma disputa entre os próprios
guerreiros. Agora a sorte está lançada! Somente o vencedor conquista a fama, o
respeito, e o reconhecimento de todo o continente.

Esse post foi publicado em Bellatra e marcado . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s